quarta-feira, 11 de julho de 2012

Novidade Oficina do Livro


Memórias e segredos num ziguezague que intercala o romance histórico e o presente, como o tempo de um jogo de futebol.
1746. O rei D. João V anuncia aos habitantes das ilhas dos Açores que a Coroa concede benefícios a quem decidir emigrar para o litoral sul do Brasil.
Ao embarcar nesta aventura, João Cabral cruza-se com Maria de Fátima, uma mulher fascinante e invulgarmente emancipada para época.
Desta união nasce uma descendência que marcará a saga da família Oliveira Cabral e a origem da colonização do Sul do Brasil, Florianópolis, antiga Ilha do Desterro.
Paulo José Miranda conduz-nos pela intimidade desta família através de uma empolgante viagem pelos laços que unem pai e filhas, Portugal e o Brasil.

Licenciado em Filosofia pela Universidade de Lisboa, Paulo José Miranda (1965) é poeta, romancista e dramaturgo. Tem vários poemas, textos e artigos editados em revistas e jornais de vários países. Ganhou o Prémio Teixeira de Pascoaes com o seu primeiro livro de poesia, A Voz que nos Trai (1997), e o Prémio Literário José Saramago com o seu segundo romance, Natureza Morta (1998). Publicou também O Corpo de Helena (teatro), A Arma do Rosto (poesia), Um Prego no Coração, Vício (ficção), O Tabaco de Deus (poesia), O Mal (ficção), A América (teatro).
Desde 1998 que é membro do Pen Club. Foi bolseiro do Ministério da Cultura e da Fundação Oriente. Viveu em Istambul. Actualmente reside no Brasil.

1 comentário:

  1. Passatempo a decorrer no blog, participem !

    http://oprazerdaleitura94.blogspot.pt/

    ResponderEliminar